Coluna Magnavita: Hotel Nacional inaugura complexo infantil

Conhecido como um dos marcos da arquitetura modernista carioca, o Hotel Nacional, projetado pelo genial Oscar Niemeyer, inaugurou no último dia 24 de julho o seu mais novo ‘Espaço Kids’ — o complexo, que recebeu investimentode R$ 1,6 milhão e tem 200 metros quadrados, leva as assinaturas das educadoras Paula Pitangueira e TicianeBarros. A ideia de criar um local rico em experiências lúdicas para crianças de 0 a 12 anos — menores até 5 anos não podem entrar deacompanhadas — faz parte de um processo de reposicionamento do empreendimento, que quer proporcionar aos seus hóspedes um ambiente que contemple família inteiras.

Com uma proposta muito diferente de outros espaços de recreação tradicionais, o complexo infantil contará com inúmeras atividades que misturam todo o prazer das boas brincadeiras com os conteúdos educacionais. De acordo com Paula Pitangueira, a ideia é fazer com que as crianças se sintam estimuladas e desafiadas a aprender cada vez mais durante a experiência no local.

A proposta desenvolvida, dentro da perspectiva pedagógica, foi a de criar um espaço que seja modelo de entretenimento infantil.  O manejo com crianças e famílias, o olhar cuidadoso para cada fase do desenvolvimento, a elaboração de atividades e oficinas criativas caracterizam o diferencial para a criação de um local que vai além das recreações tradicionais, normalmente oferecidas pelos hotéis. É fundamental expandir o conceito — não apenas no que diz respeito ao ato de brincar, mas em todos os espaços de convivência no complexo do hotel. A ideia é mudar a imagem, olhar e interface do hotel com seus hóspedes, favorecendo o conceito de um local familiar. Criamos ambientes que possibilitem o brincar, o aprender, trocas de experiências e integração da família através da nossa consultoria especializada”.

Ticiane Barros aposta alto no sucesso imediato do projeto. Para ela, as mães e os pais logo irão perceber o cuidado dedicado à elaboração das atividades do espaço. A minha expectativa é que as famílias que cheguem ao hotel se sintam acolhidas, encantadas, não só com o espaço físico, mas com todo cuidado e afetividade colocado em cada detalhe na idealização desse grande projeto. Desde os materiais pedagógicos, brinquedos, planejamento de atividades à seleção e treinamento da equipe, foi investido além de todo conhecimento especializado, muito conteúdo afetivo, pois essa é a linguagem que a criança sabe de cor, de coração”.

Sobre o Hotel Nacional

Localizado em São Conrado, na Zona Sul do Rio, o Hotel Nacional foi fundado em 1972 e acabou sendo fechado em 1995. O prédio, que se destaca pelo seu formato cilíndrico e envidraçado, foi reaberto 21 anos depois, em 15 de dezembro de 2016, depois de uma longa reforma.