Edição 23.611

Edição 23.611

Abra o link para ler o pdf completo        

CARTA AO LEITOR

O Correio da Manhã de hoje (14) destaca que o advogado de André do Rap era assessor do ministro Marco Aurélio e que o traficante confidenciava a companheiros de cela de que sairia da prisão até o fim do ano. A Coluna Magnavita noticia que o ministro Luz Fux marcou para o dia 3 de dezembro a questão dos royalties do Rio, algo que pode acabar com fôlego econômico fluminense. Em política, o TSE divulgou os protocolos de segurança para as eleições deste ano. Em Nacional, a J&J suspendeu suas pesquisas da nova vacina contra o coronavírus. Em economia, a Apple lançou seu novo iPhone, com tecnologia 5G. Em cultura, a Mostra de Cinema de São Paulo se transforma por conta da pandemia. Quer saber primeiro? Leia o Correio da Manhã!