Vai pegar estrada levando a família toda? Cachorros, gatos, vovó? Aperto é coisa do passado. Agora o nível mínimo de conforto está garantido: todas as opções de sete lugares trazem ar-condicionado, direção com assistência elétrica ou hidráulica e acionamento elétrico dos vidros e das travas das portas.

Porém, apenas Chevrolet Spin e a Fiat Doblò custam menos de R$ 100 mil.

Confira:

Chevrolet Spin Premier: A minivan Chevrolet Spin Premier custa R$ 84.390 e é o veículo de sete lugares mais em conta do mercado nacional. A segunda fila de bancos corre sobre trilhos, recurso que libera mais espaço para os ocupantes dos assentos embutidos no porta-malas. Faltam airbags laterais. Preço: R$ 84.390.

Fiat Doblò Essence: O Fiat Doblò é vendido em versão única na linha 2020. O furgão é a opção mais espaçosa do mercado: os sete ocupantes viajam em bancos individuais e ainda é possível carregar algumas malas entre os assentos de trás. Contudo, sua última atualização no Brasil ocorreu há oito anos, o que mostra como está defasado. Preço: R$ 92.390.

Jac T80: O modelo de sete lugares tem forração de couro e motor 2.0 turbo. A direção elétrica traz três ajustes diferentes de peso, todos os instrumentos são digitais e há seis airbags. Na última fila, o problema de sempre: o espaço é suficiente apenas para duas crianças, adultos terão de recolher as pernas.Preço: R$ 144.990.

Volkswagen Tiguan Comfortline: O Tiguan cresceu na linha 2019 e ganhou sete lugares a partir da versão Comfortline. O motor 1.4 turbo se destaca pelo baixo consumo seja com gasolina seja com álcool. Ao volante, parece ter menos que seus 4,70 metros de comprimento, bastante coisa para um automóvel. Preço: R$ 153.990.

Peugeot 5008: O Peugeot 5008 é um utilitário com interior de minivan. Seus bancos traseiros são individuais e removíveis. A configuração interna faz do jipão de luxo francês um dos poucos que consegue acomodar dois adultos na última fileira com dignidade. Com todos os passageiros, sobram 237 litros de porta-malas. Preço: R$ 178.700.

Toyota Hilux SW4: Segundo a Toyota, cerca de 80% de todos os utilitários SW4 vendidos têm sete lugares. Quando não estão em uso, os bancos extras ficam suspensos nas laterais, fixados com fitas e presilhas. O assoalho elevado limita o conforto na terceira fila, que tem encostos muito verticais, tornando viagens cansativas. Preço: R$ 191.240.

Land Rover Discovery: Referência entre os modelos off-road, o Land Rover Discovery TD6 cobra caro para levar qualquer família aos confins do planeta. O acesso ao banco traseiro pode ser feito por meio da porta traseira elétrica. Para abri-la, basta apertar um botão na chave. Para entrar, é preciso fazer alguma ginástica. Preço: R$ 415 mil.